Você sabe o que é Gestão Ágil e quais são suas metodologias?

gestão agil de projetosO conceito de Gestão Ágil é relativamente novo. Ele surge em paralelo ao crescimento do setor de Tecnologia da Informação, que devido as crescentes pressões do mercado por inovação, produtividade e mais qualidade dos produtos (softwares), perceberam a necessidade de uma melhoria nas técnicas de desenvolvimento de software, onde o foco principal é a satisfação do cliente.

Assim, a Gestão Ágil é uma abordagem leve e de mínima intervenção para o gerenciamento de projetos. Ou seja, o projeto é todo dividido em etapas menores, chamadas de iteração, que geralmente duram de 2 a 4 semanas e ao final de cada etapa há uma reavaliação das prioridades do projeto. E um possível replanejamento da etapa que virá em sequência.

Seguindo esse modelo, o gerenciamento do projeto fica mais fácil e dinâmico. As frequentes reuniões de reavaliação garantem um aumento significativo na qualidade do projeto.

Bom, mas quais são as metodologias mais utilizadas para uma boa Gestão Ágil?
Segue abaixo duas das mais utilizadas metodologias:

 

Srcum: No Scrum, os projetos também são divididos em pequenas etapas/ciclos (interações). Porém são chamadas de Sprints, normalmente com duração entre 2 e 4 semanas. A Sprint representa uma etapa dentro do qual um conjunto de atividades deve ser executado.

Posteriormente todo o dia de uma Sprint, a equipe faz uma breve reunião de manhã. Essa reunião é chamada de Daily Scrum, onde o objetivo é discutir sobre o que foi feito no dia anterior, identificar impedimentos e priorizar o trabalho do dia que se inicia.

Já ao final da Sprint (ciclo) é feita a Sprint Review Meeting, para que seja feito uma discussão geral da Sprint e começar os preparativos para a próxima.

 

XP – Extreme Programming: Extreme Programming é uma metodologia de desenvolvimento de software, nascida nos Estados Unidos ao final da década de 90. Assim com o Scrum e outras metodologias ágeis, o XP também trabalha com pequenas entregas (interações) do projeto. Que vão sendo reportadas e disponibilizadas ao cliente, de acordo com as finalizações.

O XP, consiste principalmente de 4 conceitos:

– Comunicação: Tem o objetivo de evitar lacunas em processos e problemas entre clientes, equipes e fornecedores.

– Simplicidade: Ela deve ser aplicada durante todo o processo, desde a definição dos requisitos até a entrega da solução.

– Feedback: Muita atrelada ao conceito de Comunicação, o Feedback consiste em retornar prontamente informações entre aos membros da equipe e clientes.

– Coragem: Basicamente a coragem de dizer não quando necessário, para que a qualidade do software não seja afetada.

 

Portanto, os resultados do uso de metodologias de Gestão Ágil são percebidos em curto prazo. Assim como a melhora na assertividade, comunicação e qualidade de seus projetos. Portanto se você ainda não adotou as Boas Práticas apresentadas, comece agora!

Postado em Produtividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *